Segunda, 23 de Maio de 2022
°

-

Geral Mato Grosso do Sul

Governador lançou obras no interior e firmou convênios para TV Educativa

Com investimento em diferentes setores, o governador Reinaldo Azambuja lançou e autorizou novas obras no interior do Estado, assim como realizou co...

08/05/2022 às 05h05
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Compartilhe:
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Com investimento em diferentes setores, o governador Reinaldo Azambuja lançou e autorizou novas obras no interior do Estado, assim como realizou convênios importantes para TV Educativa. Também fez doação de terreno para construção de unidade de saúde em Três Lagoas. A semana ainda teve entrega de calcário para comunidades indígenas.

O governador assinou três convênios para TV Educativa, que vão contribuir para exportar os programas ao Brasil, dar mais eficiência energética no prédio da Fertel (Fundação Estadual Jornalista Luiz Chagas de Rádio e TV Educativa de MS) e também produzir conteúdo de educação no trânsito para população.

Os convênios foram firmados com a EBC (Empresa Brasil de Comunicação), Energisa, Fapec (Fundação de Apoios à Pesquisa, ao Ensino e Cultura) e Detran (Departamento Estadual de Trânsito).

“Com a Energisa fizemos um convênio para dar uma reestruturada na Fundação, visando a economicidade de energia, iluminação da torre e outras melhorias na parte elétrica. Com o Detran, por meio da Fapec (Fundação de Apoios à Pesquisa, ao Ensino e Cultura), nós vamos fazer um grande trabalho de conscientização sobre o trânsito. Com A TV Brasil (EBC) vamos trocar a grade de informações e programação, com aquilo que já temos com a TV Cultura de São Paulo (SP) e também com nossa TVE", explicou o governador.

Obras no interior

O governador participou de eventos comemorativos no interior do Estado. Em São Gabriel do Oeste esteve no 31° Encontro Estadual de Laço Comprido, que ocorreu no Clube de Laço Liberato Maffissoni (CLLM). O evento abriu as festividades de aniversário da cidade e tem o apoio do Governo do Estado.

Já em Terenos, o governador participou da cerimônia comemorativa dos 69 anos da cidade, que ocorreu no Parque Issac Cardoso Filho. Ele aproveitou a solenidade para lançar e autorizar obras importantes no município, entre elas a pavimentação da rodovia MS-352, que se trata do segundo lote.

Também autorizou a licitação para asfalto e drenagem de vias públicas da cidade, no valor de R$ 4,8 milhões. Para o saneamento foram mais R$ 4,4 milhões, em obras que vão ampliar a rede de esgoto da cidade e ainda dispor de um novo reservatório, com capacidade de 500 metros cúbicos.

Ainda no município foram firmados convênios para construção de unidade de saúde e também entregues maquinários para o campo. Esporte e lazer foram contemplados com o aval para construção da arena esportiva do programa MS Bom de Bola.

Doação

Para contribuir om a saúde pública de Três Lagoas, o governador autorizou a doação de um terreno no bairro Vila Nova, onde a prefeitura municipal irá construir uma nova unidade de saúde aos moradores.

A área doada fica na rua Elviro Mário Mancini, esquina com a Josino da Cunha Bueno, próximo a Casa da Mandioca. No local será construída a USF Miguel Nunes. A Unidade de Saúde da Família já existe no bairro, mas o prédio atual não comporta a demanda, por isso será construído um prédio mais amplo.

A solicitação do terreno foi feita pelo prefeito de Três Lagoas, Ângelo Guerreiro. “Esta nova unidade será mais centralizada para população do bairro, sendo mais ampla, com maior conforto e comodidade para a população. A antiga já estava pequena para atender as pessoas”.

Comunidades indígenas

Um antigo sonho das comunidades indígenas começa a ser realizado pelo Governo do Estado, que é a entrega de calcário nas aldeias para melhorar a produção local, fazendo a correção do solo para o cultivo de feijão, milho e mandioca, entre outros. Ao todo são 15 mil toneladas do produto para distribuir em 76 aldeias, em 26 cidades.

As entregas começaram nas aldeias de Dourados. A Bororó ficará com 1 mil toneladas e a Jaguapiru com mais 1.250 toneladas. Na terça-feira (3) foi a vez das quatro aldeias de Nioaque (Cabeceira, Brejão, Taboquinha e Água Branca). Lá serão mais 960 toneladas de calcário para melhorar a produção local.

É a primeira vez que o Governo do Estado faz este repasse de produtos aos indígenas, em grande quantidade, por meio do programa Proacin (Programa de Apoio às Comunidades Indígenas de MS). "É mais uma iniciativa dentro do conjunto de ações realizadas pelo Governo para melhorar a qualidade de vida da população indígena do Estado. Este calcário vai melhorar a produção e a agricultura dentro das aldeias, corrigindo o solo".

Leonardo Rocha, Subcom

Foto Capa: Chico Ribeiro

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
- Atualizado às 20h00 - Fonte: ClimaTempo
°

Mín. ° Máx. °

Ter °C °C
Qua °C °C
Qui °C °C
Sex °C °C
Sáb °C °C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Anúncio
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias