13°C 22°C
São Paulo, SP
Publicidade

Dois militares e um civil morrem em conflitos em linhas de trem no Rio

Para conter a violência, a Polícia Militar fez operação de emergência, quando o sargento Mauro Batista dos Santos, lotado no 41º BPM (Irajá), foi a...

08/07/2024 às 14h41
Por: Redação Fonte: Agência Brasil
Compartilhe:
© Tânia Rêgo/Agência Brasil
© Tânia Rêgo/Agência Brasil

A concessionária SuperVia, responsável pelos serviços de trens urbanos no Rio de Janeiro, registrou, nesta segunda-feira (8), redução de 60% no número de passageiros do ramal Belford Roxo. É que a operação dos trens foi prejudicada em razão da violência em Costa Barros, zona norte da cidade. O fim de semana teve conflitos na região entre grupos criminosos rivais, que resultaram em três mortes, entre as vítimas um policial militar e um soldado do Exército.

“A operação dos trens no trecho segue irregular, com intervalos de mais de 60 minutos e os clientes precisando trocar de composição na estação Mercadão de Madureira para seguir viagem até os terminais. Essa medida está sendo necessária para que o serviço dos trens não seja paralisado completamente no ramal Belford Roxo”, informou, em nota, a concessionária.

Segundo a SuperVia, a situação de violência na região de Costa Barros impediu que a equipe de manutenção realizasse reparos no local que teve a rede aérea danificada por tiros na noite de sábado (6).

“Por causa desse cenário de insegurança, em mais um episódio em que a SuperVia é prejudicada em sua operação, na manhã desta segunda-feira (8), a concessionária verificou uma redução de 60% no número de passageiros do ramal Belford Roxo”, informou. A SuperVia destacou, ainda, que as equipes de manutenção só irão para o local quando a situação de segurança estiver normalizada.

Continua após a publicidade
Anúncio

Por causa da disputa territorial entre facções rivais, a Polícia Militar permanece com o policiamento intensificado na região. “Nesta segunda-feira, até o momento, sem registro de prisões ou apreensões”, concluiu em nota enviada à Agência Brasil.

Entre a noite de sábado e a madrugada de domingo, houve uma tentativa de invasão de traficantes do Morro do Chapadão e integrantes de outra facção diferente da que comanda a região. No confronto, registrou-se tiroteio intenso, comentado por moradores em redes sociais.

Continua após a publicidade
Anúncio

Emergência

Para conter a violência, a Polícia Militar fez operação de emergência, quando o sargento Mauro Batista dos Santos, lotado no 41º BPM (Irajá), foi atingido. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

“As equipes do 41ºBPM (Irajá) estavam em deslocamento para intensificar o policiamento no entorno do Complexo da Pedreira, após tentativa de invasão de um grupo criminoso na noite de sábado (6), quando os policiais militares foram atacados a tiros por criminosos na Estrada João Paulo, em Barros Filho, na zona norte da capital. O policial militar foi atingido e socorrido ao Hospital Estadual Carlos Chagas, mas infelizmente não resistiu. O sargento Mauro tinha 43 anos, estava na corporação desde 2002 e era lotado no 41ºBPM. O policial deixa esposa e uma filha”, informou ontem a Secretaria de Estado da Polícia Militar.

Ainda no conflito, o soldado do Exército Erick Aguiar de Souza foi baleado. A Seção de Comunicação Social do Comando Militar do Leste (CML) informou que o militar do 1° Depósito de Suprimento, “faleceu em decorrência de disparo de arma de fogo quando regressava para a sua residência, na localidade de Costa Barros”.

Ainda conforme o CML, as investigações estão a cargo de órgãos de segurança pública do Rio de Janeiro. “Neste momento de consternação, o Comando Militar do Leste está prestando todo o apoio à família e solidariza-se com os familiares e amigos”, concluiu em nota. A terceira vítima ainda não foi identificada.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
São Paulo, SP
22°
Tempo limpo

Mín. 13° Máx. 22°

22° Sensação
2.57km/h Vento
49% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h46 Nascer do sol
05h39 Pôr do sol
Dom 23° 12°
Seg 26° 15°
Ter 25° 15°
Qua 26° 15°
Qui 28° 17°
Atualizado às 14h06
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,60 +0,00%
Euro
R$ 6,10 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 -0,63%
Bitcoin
R$ 399,700,44 -0,05%
Ibovespa
127,616,46 pts -0.03%
Publicidade
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Anúncio
Publicidade
Lenium - Criar site de notícias